Sections
Return to News Categories

ALL NEWS SECTIONS:
MOST POPULAR SECTIONS:
Cattle - Hogs / Livestock News
Interest Futures News
Metals Futures News
Reports: Crops, CFTC, etc
Soft Commodities News

Futures and Commodity Market News

ACONTECEU HOJE: Confira as principais notícias publicadas nesta 6ª-feira

Oct 16, 2020 (Grupo CMA via COMTEX) --

MERCADO O Ibovespa acelerou levemente as perdas no fim do dia e fechou em queda de 0,75%, aos 98.309,12 pontos, puxado pelas ações de bancos e da Petrobras em meio a um cenário de cautela com a situação fiscal doméstica. As incertezas locais impediram que o índice acompanhasse o tom mais otimista das principais Bolsas no exterior e que refletisse as expectativas positivas para os balanços de alguns setores. Os principais índices do mercado de ações norte-americano terminaram o dia sem uma direção comum, embora o Dow Jones tenha conseguido fechar em alta pela primeira vez em quatro sessões, graças a dados econômicos mais fortes. Na semana, que foi marcada por muita volatilidade, os índices consolidaram ganhos modestos, com destaque para o Nasdaq. O Dow Jones fechou com alta de 0,39%, para 28.606,31 pontos, enquanto o Nasdaq Composto subiu 0,36%, para 11.671,55 pontos e o S&P 500 teve alta de 0,01%, para 3.483,81 pontos. O dólar comercial fechou em alta de 0,33% no mercado à vista, cotado a R$ 5,6450 para venda, em sessão de forte volatilidade, descolado do exterior, com investidores locais em busca de proteção em meio às incertezas que vêm do exterior, com o avanço da covid-19 na Europa e com a falta de sinais de que um novo pacote de estímulo fiscal seja aprovado nos Estados Unidos. Aqui, o cenário fiscal elevou a preocupação e a cautela do mercado. Com isso, a moeda estrangeira fechou a semana com 2,13% de valorização. Depois de passar praticamente toda a sessão oscilando entre margens estreitas, as taxas dos contratos de juros futuros (DIs) definiram uma trajetória positiva na reta final do pregão e acabaram fechando em alta firme. Os riscos fiscais e as incertezas em torno do Renda Cidadã e o "teto dos gastos" pesaram na curva a termo, que também monitora o ambiente internacional. Ao final da sessão regular, o DI para janeiro de 2022 ficou com taxa de 3,38%, de 3,31% no ajuste anterior; o DI para janeiro de 2023 terminou projetando taxa de 4,82%, de 4,69% após o ajuste ontem; o DI para janeiro de 2025 encerrou em 6,64%, de 6,59%; e o DI para janeiro de 2027 tinha taxa de 7,57%, de 7,53%, na mesma comparação. No mercado de câmbio, o dólar à vista subia, aproximando-se da faixa de R$ 5,65. PRINCIPAIS NOTICIAS BRASIL GUEDES:Não desisti do imposto digital, não sou homem de desistir facilmente O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que não pretende desistir de implementar um novo imposto que tributaria transações digitais. Ontem, o ministro afirmou a rede CNN que poderia desistir do imposto. CORONAVIRUS: Brasil tem 5,200 milhões de casos confirmados O Brasil soma 5.200.300 casos confirmados de covid-19 no território nacional e 30,9 mil registros nas últimas 24 horas de acordo com atualização do ministério da Saúde e secretarias estaduais de Saúde. O número de mortes em decorrência da covid-19 no território brasileiro subiu para 153.214 segundo divulgação, com 754 novos registros de mortes nas últimas 24 horas. A taxa de letalidade da doença é de 3% dos casos totais. STF: Barroso pede que afastamento de senador seja julgado em plenário O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso pediu hoje ao presidente do Supremo, ministro Luiz Fux, que o afastamento do senador Chico Rodrigues (DEM-RR) seja julgado pelo plenário na semana que vem. O senador foi alvo de uma operação que apura desvios de verba pública destinada ao combate à pandemia por meio de emendas parlamentares e, segundo a Polícia Federal (PF), foram encontradas cédulas escondidas na roupa de Rodrigues. ANP: Produção no campo de Búzios atinge maior volume por único poço em set O poço do campo de Búzios, no pré-sal da Bacia de Santos, produziu 69,6 mil barris de óleo equivalente por dia (boed) em setembro, registrando o maior volume por um único poço em toda a série histórica, segundo a Agência Nacional Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). PETROBRAS: AGU mantém multa de R$ 22 milhões aplicada pela ANP A Advocacia-Geral da União (AGU) garantiu na Justiça a manutenção de multa de R$ 22 milhões aplicada à Petrobras pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). O valor é referente a créditos devidos pela estatal, que ajuizou duas ações contra a agência para impedir a cobrança dos valores. MUNDO TRUMP: Vacina contra covid-19 estará disponível antes do final do ano O presidente norte-americano, Donald Trump, disse que uma vacina contra a covid-19 estará disponível nos Estados Unidos antes do final e que os idosos terão prioridade no recebimento das doses. EUA: Acordo não garante aprovação de estímulo antes/eleição-Kudlow O principal conselheiro econômico da Casa Branca, Larry Kudlow, disse que há poucas chances de um novo pacote de estímulos ser aprovado no Congresso antes das eleições presidenciais de 3 de novembro mesmo que um acordo bipartidário seja alcançado. EUA: Orçamento do Tesouro tem déficit de US$ 3,1 tri no ano fiscal O déficit dos Estados Unidos triplicou para um recorde de US $ 3,1 trilhões no ano fiscal de 2020, encerrado em 30 de setembro, diante do aumento de gastos do governo norte-americano para mitigar os efeitos da crise provocada pela pandemia do novo coronavírus, de acordo com números do Departamento do Tesouro do país. REINO UNIDO: Moody's rebaixa rating para Aa3 e perspectiva passa a estável A agência de classificação de risco Moody's rebaixou o rating do Reino Unido de 'Aa2' para 'Aa3', citando o enfraquecimento econômico, a erosão fiscal e a fragilidade das instituições britânicas e da governança. A perspectiva da nota de crédito passou de negativa para estável sob a expectativa de estabilidade do endividamento nos níveis atuais. EUROPA: Acordo comercial pós-Brexit é de interesse de todos, diz Merkel A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, disse esperar que o premiê britânico, Boris Johnson, continue a negociar um acordo comercial pós-Brexit com a União Europeia (UE), uma vez que trata-se do interesse de ambos os lados. Copyright 2020 - Grupo CMA

comtex tracking

Please read the End User Agreement.
By accessing this page, you agree to the terms and conditions of the End User Agreement.

News provided by COMTEX.


Extreme Futures: Movers & Shakers

Hottest

Actives

Gainers

Today's Hottest Futures
Market Last Vol % Chg
Loading...

close_icon
open_icon