Sections
Return to News Categories

ALL NEWS SECTIONS:
MOST POPULAR SECTIONS:
Cattle - Hogs / Livestock News
Interest Futures News
Metals Futures News
Reports: Crops, CFTC, etc
Soft Commodities News

Futures and Commodity Market News

CÂMBIO:Dólar abre em queda, mas passa a oscilar sem rumo único com exterior

Apr 07, 2021 (Grupo CMA via COMTEX) --

São Paulo, 7 de abril de 2021 - O dólar comercial opera sem direção única frente ao real, após abrir os negócios com sinal negativo, calibrando a continuidade do bom humor que prevalece desde o início da semana e o viés de correção entre as moedas de países emergentes. Aqui, apesar do número recorde de mortes por covid-19 em 24 horas ontem, acima de 4,1 mil, investidores seguem atentos às negociações de emendas parlamentares em relação ao Orçamento de 2021, com o mercado doméstico preocupado com o teto de gastos e os riscos fiscais. Às 10h04 (de Brasília), a moeda norte-americana oscilava com leve queda de 0,08% no mercado à vista, cotada a R$ 5,5960 para venda, enquanto o contrato com vencimento para maio tinha leve alta de 0,07%, a R$ 5,6045. Lá fora, o Dollar Index operava praticamente estável (+0,01%), aos 92,345 pontos. No exterior, apesar dos dados de serviços de março ficarem acima do esperado na Europa, reforçando a leitura de que a economia global parece ganhar tração, os mercados operam mistos e as moedas de países emergentes perdem terreno para o dólar, mesmo diante do viés de baixa dos rendimentos das taxas de juros futuros dos títulos do governo norte-americano, as treasuries, com o vencimento de 10 anos (T-Note) operando ao redor de 1,67%. "Esse desempenho [das treasuries] dá continuidade ao alívio da véspera, o qual permitiu a manutenção dos animadores níveis das principais bolsas dos Estados Unidos, com contágio global, e alguma tração às moedas emergentes", avalia o operador da corretora Commcor, Cleber Alessie. Porém, com investidores à espera da ata da última reunião do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) à tarde, o dólar não tem direção definida e as divisas emergentes têm espaço para correção em meio à queda recente, que contaminou o real. Aqui, as atenções seguem voltadas ao cenário político e econômico. O economista-chefe da Infinity Asset, Jason Vieira, reforça que o foco fica no veto parcial de emendas parlamentares no Orçamento deste ano que o ministro da Economia, Paulo Guedes, tem tentado propor. "De volta a cumprir com os gastos obrigatórios que o Congresso 'pedalou' para o próximo ano, de forma a encaixar suas diversas demandas", avalia. O diretor de uma corretora nacional acrescenta que, apesar de uma leve tendência de queda, a moeda estrangeira deverá definir os rumos ao longo do dia, de acordo com eventos no exterior, bem como pelo fluxo interno da divisa. Flávya Pereira / Agência CMA Copyright 2021 - Grupo CMA

comtex tracking

Please read the End User Agreement.
By accessing this page, you agree to the terms and conditions of the End User Agreement.

News provided by COMTEX.


Extreme Futures: Movers & Shakers

Hottest

Actives

Gainers

Today's Hottest Futures
Market Last Vol % Chg
Loading...

close_icon
open_icon