Sections
Return to News Categories

ALL NEWS SECTIONS:
MOST POPULAR SECTIONS:
Cattle - Hogs / Livestock News
Interest Futures News
Metals Futures News
Reports: Crops, CFTC, etc
Soft Commodities News

Futures and Commodity Market News

CÂMBIO: Dólar opera em queda seguindo correção externa, atento ao local

Jan 12, 2021 (Grupo CMA via COMTEX) --

São Paulo, 12 de janeiro de 2021 - O dólar comercial opera em queda frente ao real acompanhando o movimento de correção que prevalece no exterior, com a moeda estrangeira perdendo terrenos ante aos pares e as de países emergentes, após forte alta ontem. Porém, o desconforto com o avanço da covid-19 no mundo, que reflete em novos bloqueios e aumenta o receio quanto a uma recuperação econômica continua. Assim como a tensão do mercado com o cenário fiscal doméstico. Às 10h03 (de Brasília), a moeda norte-americana operava em queda de 0,67% no mercado à vista, cotada a R$ 5,4660 para venda, enquanto o contrato para fevereiro caía 0,44%, a R$ 5,4670. Lá fora, o Dollar Index tinha ligeira queda de 0,03%, aos 90,437 pontos. O economista-chefe da SulAmérica Investimentos, Newton Rosa, destaca o viés de recuperação que vem do exterior, em dia de agenda econômica esvaziada. Ele reforça que, apesar da preocupação diante do avanço da covid-19 em várias partes do mundo, investidores se mantêm otimistas em meio ao desenvolvimento de vacinas e da iminência de novos estímulos fiscais nos Estados Unidos com o governo de Joe Biden, que tomará posse como presidente na próxima semana. Após engatar quatro altas seguidas e fechar ontem no patamar de R$ 5,50 pela primeira vez em mais de dois meses, Rosa aposta em movimento menos pressionado em linha com o exterior. Porém, ele ressalta que o pessimismo segue e é alimentado pela tensão política em Brasília e os riscos fiscais presentes. "Em meio ao recrudescimento da pandemia, sem perspectivas claras de quando se poderá contar com uma ampla campanha de vacinação da população", diz. Já o sócio-diretor da TAG Investimentos, Dan Kawa, pondera que a dinâmica global ajudou no movimento "exacerbado" nos últimos dias. Porém, a situação fiscal doméstica fragilizada, os "sinais dicotômicos" vindos do Congresso e a ausência de um plano de imunização contra a covid-19 deixam o país em situação calamitosa e acentuam os movimentos recentes. Flávya Pereira / Agência CMA Copyright 2021 - Grupo CMA

comtex tracking

Please read the End User Agreement.
By accessing this page, you agree to the terms and conditions of the End User Agreement.

News provided by COMTEX.


Extreme Futures: Movers & Shakers

Hottest

Actives

Gainers

Today's Hottest Futures
Market Last Vol % Chg
Loading...

close_icon
open_icon